HOME
APRESENTAÇÃO
AGENDA
ESPECTÁCULOS
BONECOS SANTO ALEIXO
ADÁGIO
BIME
ENCONTRO TEATRO IBÉRICO
FORMAÇÃO
LOJA
CONTACTOS
PUBLICAÇÕES APRESENTAÇÃO
 
Nº 43
Nº 42
Nº 40/41
Nº 38/39
Nº 36/37
Nº 34/35
Nº 32/33
Nº 30/31
Nº 28/29
Nº 27
Nº 26
Nº 25
Nº 23/24
Nº 21/22
Nº 20
Nº 19
Nº 18
Nº 17
Nº 15/16
Nº 14
Nº 13
Nº 12
Nº 11
Nº 9/10
Nº 8
Nº 7
Nº 5/6
Nº 4
Nº 3
Nº 2
Nº 1
Setembro 2002/Janeiro 2003
Nº 34/35
Editorial
Um Vaqueiro entra em cena
Os textos e os géneros
"Diz o exemplo da velha": provérvios no auto de Inês Pereira
Das coisas "todas chocarreiras" (o quarto livro)
Vicente, Shakespeare e a arte do tempo no Auto da Índia
Os intertextos e os temas
Imagens do Brasil nos autos vicentinos
Todo o Mundo e Ninguém, Gil Vicente e Carlos Drummond de Andrade
Um auto de Gil Vicente enviado em Carta a D. João III
Voló el águila real/al trono imperial/.../ E assim cantando se acabou o Templo de Apolo. finis
O Templo de Apolo, o Império de Carlos V e os espectáculos de corte
Os palcos e a escola
Dramaturgia para uma Farsa do Juiz da Beira: do teatro ao/no paço
Os Textos Literários nos Programas Escolares (1895-...): O lugar do Texto Vicentino
O teatro e a música
Música para o Teatro de Gil Vicente (fl.1502-1536) Canções profanas: vilancetes, cantigas, romances, ensaladas e chançonetas
Traduzir na voz e na letra
Entrevista a Mário Barradas
Entrevista a Anne-Marie Quint
Colóquio Gil Vicente e Évora nos alvores de Quinhentos
 

 
©2006 - todos os direitos reservados a CENDREV - realizado por: EGODESIGN